Preconceito Velado

Postado em


Acho tão engraçado, quando as pessoas de forma velada (se soubessem as inúmeras vezes que passo isso), estão conversando comigo e do nada param e dizem “orei tanto para deus”, como se esta narrativa fosse me deixar constrangido. Olha queridos, a única diferença e que eu tenho mais de 16 possibilidades de deuses para orar e vocês possuem apenas 1.

Esses dias chamei um Taxi da Radio Princesa a pior Radio Taxi da Cidade de Pelotas, donde so existem carros sucateados e serviço de segunda mão, o motorista me perguntou: Tu és de Magia Negra?

E fui daqui do meu trabalho ate em casa a baixo de pregações. Outro dia outro carro, o motorista nada falava comigo, mas no meio do caminho resolveu ligar o radio do carro, plugar um pen drive e por no volume alto, musicas golpel.

Ai eu tenho que escutar a palavra Jesus todos os dias da boca dessa gente, quando saio na rua como esses dias sai com um parente, falei a palavra Exu me mandaram calar a boca.

Porque? porque nem a família da gente deixa de ter a mente colonizada. Terei que encarnar inúmeras vezes e talvez não tenha ainda satisfação de ter resolução do preconceito religioso velado no Brasil.

Baba Kejaiye – a palavra e de prata, porem o silencio e de ouro

Anúncios